Intercâmbio está isento da taxa de remessa ao exterior

travelling-with-suitcase-1524960-1279x950
As remessas ao exterior destinadas para fins educativos, como o intercâmbio, estão isentas da cobrança do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF). A decisão foi divulgada no Diário Oficial da União, no dia 26 de janeiro. Com essa medida, as pessoas que aguardavam uma definição para efetivar a compra de um curso de idiomas em outro país já retomaram os planos.
De acordo com o diretor de vendas da CI – Intercâmbio e Viagem, Jan Wrede, a decisão reflete diretamente no incentivo a experiências de estudo no exterior. “O número de intercambistas brasileiros vem crescendo ano a ano. De acordo com a Belta, Brazilian Educational & Language Travel Association, os números são significativos. Em 2014, mais de 230 mil brasileiros deixaram o país para fazer um programa de intercâmbio no exterior. E esperamos que esses números cresçam também em 2016”, diz o executivo.

Segundo ele, após o anúncio da isenção, já foi possível registrar nas lojas o aumento na procura pelos planos de intercâmbio. “É importante que mais pessoas tenham uma vivência internacional, possam conhecer novas formas de ver o mundo e desenvolver a fluência em outro idioma”, defende o diretor.

Segundo a regulamentação, as remessas destinadas ao exterior para fins educacionais, como as destinadas a pagamento de taxas escolares, taxas de inscrição em congressos, conclaves, seminários ou assemelhados e taxas de exames de proficiência também não se sujeitam à retenção do IRRF.

Jogos auxiliam na habilidade motora de crianças

Por Tiago Aquino da Costa e Silva

kids-1560366-640x480Pensar na infância nos traz saudades de um tempo que não volta mais. De um tempo onde brincadeiras, jogos e fantasias estavam presentes em diversos momentos. O que você fazia na sua Infância?

Quando éramos crianças, a verdade estava na nossa imaginação – onde éramos as princesas no castelo ou os cavaleiros em brilhantes armaduras matando o dragão. Em nossas mentes podíamos fazer qualquer coisa! Sonhar, fazer de conta, agir por impulso e correr risco eram situações permitidas no Mundo da Infância. Momentos mágicos, memoráveis, coloridos e únicos são criados na infância.

Para muitos, a infância é um período onde há um grande desenvolvimento da criança, estabelecendo maturidade física e psicológica, e relacionando-se com o eu, com os outros e com o mundo exterior, através dos jogos e brincadeiras.
O brincar e o jogar são momentos sagrados na vida de qualquer indivíduo. É com a prática dos jogos e das brincadeiras que as crianças ampliam seus conhecimentos sobre si, sobre os outros e sobre o mundo que está ao seu redor, desenvolvem as múltiplas linguagens, exploram e manipulam objetos, organizam seus pensamentos, descobrem e agem com as regras, assumem papel de líderes e se socializam com outras crianças, preparando-se para um mundo socializado.

O que é o Brincar e o Jogo? A vivência e a experiência com as brincadeiras servem de elo entre a relação do indivíduo com a relação interior e realidade externa. O brincar é caracterizado como um ato de diversão, conferindo enorme dimensão simbólica e a existência de regras simples, sendo fundamental, em potencial, para o desenvolvimento integral das crianças a partir do seu nascimento.

Já o Jogo, consiste numa ação prazerosa, realizada de livre arbítrio, onde cada participante vai à busca de um sentimento de prazer. Essa atividade tem a existência das regras, as quais são pré-estabelecidas no início ou construídas durante a prática e devem ser cumpridas à risca; e tem por objetivo o desenvolvimento de alguma habilidade motora ou na sua aquisição, sendo essencial na vida das crianças a partir de 6 anos.

Por fim, o ato de brincar e o jogar contempla o mundo mágico infantil, pois é uma das principais formas de autodescoberta e vivências da própria criança, partindo da percepção de seus limites e de suas possibilidades, explorando seu ambiente através de suas brincadeiras de uma maneira saudável e produtiva, contribuindo assim, para a integração de suas primeiras experiências culturais.

Facebook vai rebaixar links com clickbait

Se você tem um blog e cria chamadas no Facebook do tipo: “você não vai acreditar no que essa atriz disse aos fãs”, pode parar! A rede social aplicou uma mudança nos algaritmos do feed de notícias que rebaixará páginas que fazem com que os usuários cliquem no link forçadamente.

Vale pensar em outro estratégia para deixar seus leitores curiosos e incentivados a ler o post!

Como criar papéis de parede do Super Mario Bros

papel-de-parede-Super-mario-bros

A Nintendo lançou ferramenta que permite criar papéis de parede com o tema do Super Mario. É possóvel criar wallpapers para monitor e celular e a página identifica o tamanho da tela para otimizar o processo. Você poderá escolher 4 temas: Super Mario Bros. 1, Super Mario Bros. 3, Super Mario World e New Super Mario Bros. U.

Para testar, entre no site e depois conta pra gente o que achou! 😉