NASA lançará habitat espacial inflável para teste

habitat-espacial-inflavel

habitat-espacial-inflavel

Na sua próxima viagem à Estação Espacial Internacional, SpaceX – empresa de transporte espacial dos Estados Unidos – carregará um habitat espacial inflável construído por Bigelow Aerospace. O módulo de atividade expansível de Bigelow ( BEAM ) será dobrado para o seu lançamento previsto no dia 8 de abril. Posteriormente, será totalmente inflado, já que está devidamente ligado a um dos nós da estação para criar uma nova sala.

A cápsula da SpaceX vai encaixar com a Estação Espacial Internacional dois dias após o lançamento. Em meados de abril, o braço robótico da estação vai agarrar ao módulo. A inflação de BEAM ocorrerá no final de maio ou início de junho, dependendo da programação da tripulação. O que tudo indica é que o volume interno do BEAM aumentará dez vezes o seu volume de lançamentos.

Do ponto de vista de massa e volume, os módulos infláveis ​​são opções atraentes para habitats espaciais. Vazios, eles são mais compactos e potencialmente mais leves do que outras alternativas, além de serem mais baratos. Por essas razões, há maior facilidade de lançamento.

Bigelow Aerospace foi fundada há 15 anos por Robert Bigelow que licenciou a tecnologia de habitat inflável da NASA depois que o Congresso cancelou o projeto expansível conhecido como TransHab em 2000. No entanto, o conceito de insufláveis ​​espaciais remonta ao início dos anos 60. O primeiro satélite de comunicações da NASA , a Echo 1 , era uma nave espacial com base em um projeto do balão. Embora a tecnologia inflável era destinada apenas aos satélites e não missões tripuladas.

Bigelow Aerospace foi fundada na premissa de que os turistas espaciais estariam interessados em ficar em hotéis espaciais em órbita da Terra. A empresa lançou com sucesso seus primeiros módulos (uncrewed), Gênesis 1 e Gênesis 2, em 2006 e 2007, e eles estão ainda em órbita atualmente.

À primeira vista, pode parecer mais fácil para um módulo inflável suportar impactos de micro-meteoritos ou outros detritos. Mas, com múltiplas camadas não duráveis, incluindo uma bexiga e micro-meteoróides e escudo detritos orbitais (MMOD), Bigelow Aerospace disse que BEAM pode resistir a impactos de alta velocidade pequenas, bem como qualquer outro módulo rígido na estação.

O representante da NASA no projeto BEAM, Rajib Dasgupta, disse que o teste BEAM na Estação Espacial Internacional foi um passo crucial para promover o nível de prontidão de teste e certificar a tecnologia para missões humanas. BEAM foi equipado com sensores que vão rastrear e visualizar as propriedades de proteção contra as radiações do ambiente térmico durante 2 anos. Nesse período, os astronautas a bordo irão para o módulo de duas a três vezes a cada seis meses por algumas horas. A NASA também emitiu um contrato separado com a Bigelow Aerospace para a empresa demonstrar como o seu módulo inflável poderia ser usado para apoiar as missões para a Lua e Marte.

Habitats infláveis ​​trazem várias promessas de exploração espacial no futuro, especialmente as mais longas e profundas, onde a tripulação vai exigir mais espaço para suprimentos. Ao longo dos próximos dois anos, o experimento BEAM lançará bases necessárias para a NASA elaborar projetos infláveis ​​em futuras missões ao longo de sua viagem a Marte.

Foto: FreeImages/Angel Janer

Fonte: TC

Pesquisa aponta que jovens preferem YouTube para assistir vídeos e não se importam com anúncios

ipadinternet

ipadinternet

De acordo com uma nova pesquisa de entretenimento digital da empresa Defy Media, jovens consumidores preferem vídeo digital. A pesquisa aponta que 65% dos jovens entre 13 a 24 anos assistem vídeos logo no início do dia. Para 57% deles, esses vídeos elevam o humor, 61% dizem que aliviam o estresse, 60% confessam que é dessa forma que se mantem atualizados, 47% utilizam como forma de aprendizagem e 44% consideram ótimas ferramentas para acalmar antes de dormir.

YouTube é o preferido
85% dos entrevistados disseram que o YouTube é a plataforma para visualização de vídeo. Netflix está em segundo lugar com 66%. 62% afirmam que utilizam a TV e 53% o Facebook.

Redes sociais estão em ascensão
A visualização de vídeo em plataformas de mídia social continua a crescer. O Facebook, por exemplo, é usado principalmente por usuários mais jovens para o consumo de vídeo. Cerca de 60% dos entrevistados disseram que usam a plataforma para assistir vídeo contra os 40% que a usam para fins sociais. Segundo o relatório, o tempo gasto para assistir vídeos nessas plataformas foi de aproximadamente 12,1 horas por semana, o que supera a visualização de serviços de assinatura como o Netflix , Amazon e Hulu , que registrou em 8.8 horas semanais .

No ano passado, o relatório Defy revelou que 63% dos consumidores tentariam um produto ou marca recomendada por uma estrela do YouTube, contra 48% em uma estrela de TV / filme. “O público está aceitando cada vez mais à publicidade”, observou Andy Tu, vice-presidente executivo do Defy mídia de marketing. Esses consumidores estão “muito mais esclarecidos” sobre como suas estrelas digitais favoritas ganham dinheiro através dos anúncios. Uma pessoa entrevistada disse que excluiu os chamados adblockers porque ele queria apoiar a estrela e “não tirar dinheiro do seu bolso.”
Cerca de 63% dos entrevistados concordaram que as celebridades digitais precisam de anúncios em seus canais para ganhar a vida, e 58% disseram que não se importam assistindo anúncios para apoiá-los.

53% dos entrevistados disseram que não se importam com anúncios de 1 minuto, mas 80% ainda preferem comerciais de até 15 segundos. Cerca de 87% aprovam a colocação de produtos em um vídeo. Cerca de 89% disseram que uma introdução com um patrocinador da marca também não afeta ou interfere na visualização do vídeo. Ótima notícia para os publicitários, não é?!

Fonte: Mashable

Em breve, técnica de semeação de nuvens pode ajudar a modificar o tempo. Saiba mais

semeacao-de-nuvens-tecnica

semeacao-de-nuvens-tecnica

Engenheiros e meteorologistas de Nevada uniram forças para criar a primeira plataforma de semeação de nuvens utilizando drones para controlar o tempo. A técnica consiste em liberar pequenas partículas em uma nuvem para alterar os processos microfísicos possibilitando o incentivo à chuva ou até a neve.

Pesquisas sobre esse assunto são realizadas há muito tempo, mas ainda não está claro se essa técnica é realmente eficaz, já que não se sabe se aquela nuvem já iria produzir chuva naturalmente.

Apesar da falta de provas da sua eficácia, a promessa de controle do tempo levou a uma grande quantidade de investimento. A tentativa mais famosa foi, provavelmente, em 2008, durante os Jogos Olímpicos de Verão, quando a China tentou usar a semeação de nuvens para garantir que não chovesse durante a abertura e o encerramento do evento.

Agora, os engenheiros de drones e os cientistas do Instituto de Pesquisa do Deserto uniram forças para construir um veículo áereo não tripulado capaz de transportar equipamentos de semeadura de nuvens . Eles usaram um drone DAx8 , que pode carregar cargas úteis graças aos seus oito rotores. “Este é um marco importante “, disse Adam Watts do Desert Research Institute, que liderou o projeto. “Utilizando designação local de teste, fomos capazes de voar essa aeronave em Nevada do norte e verificar se são totalmente capazes de transportar cargas úteis para a semeação de nuvens”

Mike Richards, CEO da Drone América, acrescentou: “Estamos muito animados por ter completado mais um passo para alcançar o nosso objetivo de aplicação de semeação. Nosso programa de pesquisa está no caminho certo para revolucionar a indústria de semeadura da nuvem com transporte por via aérea segura e com um significativo potencial de proporcionar alívio para pessoas em áreas atingidas pela seca”.

Assista ao vídeo:

Fonte: Techradar

Você teria coragem de dormir em um aquário cercado por 35 tubarões?

aquario-com-tubaroes-Airbnb

aquario-com-tubaroes-Airbnb

Airbnb, serviço online de aluguéis de estadias por temporada ou curto período, vai deixar duas pessoas dormirem em um quarto debaixo d’água cercado por 35 tubarões. A estadia de uma noite para duas pessoas no Aquário de Paris é gratuito.

Os concorrentes devem descrever em uma redação o porquê merecem dormir em um mesmo local com os animais de dentes afiados. A sala circular, que tem uma visão de 360 ​​graus dos tubarões, é de 33 pés de profundidade e imersos em três milhões de litros de água. Mas, há algumas regras que devem ser seguidas rigorosamente: não pode tirar selfies, já que os tubarões são sensíveis à luz e não é permitido mergulhar. A competição é aberta a qualquer pessoa , em qualquer lugar no mundo (exceto alguns países embargados por os EUA como a Coreia do Norte, Sudão e Síria ) . Mas você tem que ter pelo menos 18 anos e boa forma física para subir dentro e fora do quarto usando uma escada. O peso total dos dois convidados também não pode exceder 419 libras.

Se você tiver coragem de participar, deve se candidatar até 3 de abril para concorrer a uma noite no aquário, com passagens aéreas inclusas. A ação acontecerá do dia 11 a 13 de abril! E aí, vai encarar?

Foto: The Shark Aquarium on AirBnB

Aluno cria garrafa de água que se decompõe enquanto está vazia

garrafa-que-se-decompoe-sozinha

garrafa-que-se-decompoe-sozinha

Você sabia que uma garrafa de plástico demora, em média, mais de 450 anos para se decompor? E se formos próximos aos rios e grandes aterros, é possível ver milhares delas jogadas, o que prejudica – e muito – o meio ambiente. Observando esse cenário, o design de produto Ari Jónsson, estudante da Academia Islâmica de Arte, pesquisou materiais diferentes para que o tempo de decomposição fosse infinitamente menor.

Foi aí que ele chegou ao ágar, a forma em pó de algas. O pesquisador descobriu que, quando misturado com água, o ágar forma uma substância gelatinosa. Ele testou diferentes proporções e, então, começou a derramá-lo em um molde em forma de garrafa. O molde foi submerso em um balde de água gelada até o ágar criar forma e, em seguida, foi colocado no congelador para solidificar. A água continua segura para beber e os usuários podem até morder a garrafa depois que terminar de beber. A maior vantagem desse produto é que ele é constituído por materiais naturais e não prejudica a água na garrafa de nenhuma forma! A garrafa vai manter a sua forma até que haja água dentro dela e quando vazia, começa a se decompor. Genial, né?

Foto: Reprodução/MOBinPEDIA

WhatsApp traz novidades no envio de mensagens

atualizacao-whatsapp

atualizacao-whatsapp

O WhatsApp adicionou novas opções de formatação. Agora, você pode usar negrito, itálico e riscado em suas mensagens para amigos e familiares. Para aderir as mudanças, basta adicionar alguns caracteres. Confira:
Para colocar negrito no WhatsApp
Coloque um asterisco (*) antes e após das palavras, por exemplo, *Olá*.

Para usar itálico no WhatsAppp
Adicione o sublinhado (_) antes e após as palavras específicas: por exemplo, _Olá_

Para usar rasurado no WhatsApp
Adicionar um til (~) antes e após das palavras específicas: por exemplo, ~ Olá ~

Estes novos layouts também podem ser inseridos para os usuários que utilizam a versão web do aplicativo.

O WhatsApp não vem inserindo recursos com frequência desde o seu lançamento, além das chamadas de voz e os novos emojis para a conversa. O Facebook que adquiriu o WhatsApp revelou recentemente planos para permitir a criação de contas de negócios dentro do aplicativo, permitindo assim que os usuários se conectem com empresas com as quais deseja se comunicar através do serviço. Isso ainda não aconteceu, mas poderia se tornar uma realidade muito em breve.

Snapchat 2.0: fique por dentro da nova atualização e recursos

game-mulheres

game-mulheres

O Snapchat lançou hoje uma nova atualização: as chamadas de vídeo vão permitir a marcação de amigos que estão offline. O recurso só permitia se ambos estivessem conectados à Internet. O aplicativo também permite que conversas sejam feitas tanto em áudio quanto em vídeo.

“Hoje, nós estamos animados para introduzir Chat 2.0. Você pode começar enviando algumas conversas, e quando o seu amigo se conectar, mandar áudios ou vídeos instantaneamente com um simples toque. Seu amigo pode simplesmente ouvir se você quer cantar ou assistir, se você tem um novo cachorro para mostrar. Se eles não estão lá, você pode rapidamente enviar uma nota de áudio para dizer o que você quer dizer. E, às vezes, um adesivo diz que é melhor”, afirmou o Snapchat.

Fonte: Tech Cruch

Apple divulga robô que desmonta smartphones em apenas 11 segundos

descarte-de-iphone-correto

descarte-de-iphone-correto

A Apple anunciou Liam, um robô industrial capaz de desmontar um Iphone em apenas 11 segundos. O objetivo? Será utilizado no programa de reciclagem de componentes da empresa para reaproveitar peças e auxiliar na redução do impacto ambiental durante o descarte dos celulares.

Os donos dos aparelhos poderão descartá-los em Apple Stores. Dessa forma, os smartphones serão levados ao Liam. Com 29 braços, a máquina tem ferramentas como chaves de fenda e brocas e será responsável pela separação de cada peça para um descarte correto.

A empresa divulgou um vídeo que mostra o desmanche dos celulares feito pelo robô. Confira:

Celular roubado ou furtado pode ser bloqueado pelas operadoras

game-mulheres

game-mulheresSegundo uma seguradora, 63 celulares foram roubados por hora nas capitais brasileiras em 2015. Por isso, a Agência Nacional de Telecomunicações ( Anatel) decretou no início de março desse ano que as operadoras de telefonia móvel devem bloquear o aparelho pelo número do celular, não havendo a necessidade de informar o IMEI – sequência numérica de identificação.

Além disso, em alguns estados do País é possível solicitar o bloqueio em delegacias. Basta registrar um Boletim de Ocorrência sobre o furto ou roubo do aparelho.

O recomendado é ligar o quanto antes às operadoras para informar o furto ou roubo. Dessa maneira, o bloqueio é feito rapidamente evitando que terceiros utilizem a sua linha para indevidos fins. Anote sempre o número do protocolo de atendimento.

Verificação de Segurança do Facebook envia notificações ao mundo todo

facebook-logo

facebook-logo

A ferramenta de verificação de segurança do Facebook foi ativada após uma grande explosão em Lahore, no Paquistão, e enviou notificações para pessoas de todo mundo. “Você está bem?”, é uma das mensagens enviadas aos utilizadores. “Parece que você está na área afetada pela explosão”.

O site envia as mensagens à todos os que estão próximos ao local da explosão para ver se eles estão seguros. Mas a característica baseada na localização parece estar errada, já que envia mensagens para as pessoas que nunca foram ao Paquistão. “Pedimos desculpas a qualquer um que recebeu por engano uma notificação fora do Paquistão e estamos trabalhando para resolver o problema”, disse um porta-voz do Facebook.

O recurso foi ativado após uma explosão em um parque que matou pelo menos 52 pessoas, a maioria mulheres e crianças, de acordo com autoridades.  A explosão ocorreu na área de estacionamento de Gulshan – e- Iqbal Park, a poucos metros de distância de balanços das crianças .

A empresa também foi criticada depois do ataque em Bruxelas na semana passada por ter ativado a ferramenta horas após o acontecido.