Vídeo com palitos de fósforos queimando viralizou nas redes sociais

fosforo

Um vídeo com pálitos de fósforos enfileirados em chamas está sendo bastante compartilhado nas redes sociais. O canal de YouTube HTD colocou 6 mil fósforos em um recipiente e colocaram fogo criando uma incrível ação em cadeia.

A queima de cada palito é lenta e gradual e omite som semelhante a uma lareira. Assista ao vídeo e se surpreenda:

Lembre-se: esse experimento foi feito por profissionais habilitados e com infraestrutura adequada. Jamais repita o processo em sua casa!

Fibra ótica pode enviar dados em 1.125 terabits por segundo. Entenda

ipadinternet

ipadinternet

Um novo recorde para a taxa de dados mais rápida para a informação digital foi definido pelos investigadores de UCL no Networks Grupo Optical. Eles alcançaram uma taxa de 1.125 TB/s como parte da pesquisa sobre os limites de capacidade dos sistemas de transmissão óptica, destinadas a atender a crescente demanda por taxas de dados mais rápidas.

Cientistas da University College de Londres desenvolveram um novo equipamento de fibra óptica que pode enviar dados em 1.125 terabits por segundo. A velocidade é o suficiente para transferir toda uma série de TV com qualidade de alta definição em uma fração de segundo , em comparação com as horas que levaria muitas famílias britânicas. “Isso é quase 50.000 vezes maior do que a velocidade média de uma conexão de banda larga no Reino Unido de 24 megabits por segundo , que é a velocidade atual definição de banda larga” super “, disse Robert Maher , que lidera a pesquisa.

“Para dar um exemplo, a taxa de dados que conseguimos permitiria que todo o jogo HD da série Thrones poderia ser baixado dentro de um segundo.” Baixando a mesma quantidade de dados em uma conexão típica do Reino Unido levaria cerca de uma hora.

Os pesquisadores disseram que essa tecnologia pode revolucionar as redes de banda larga e criar “a próxima geração de sistemas de comunicação de alta capacidade”. A tecnologia ainda não está disponível comercialmente.

Fonte: MOBinPEDIA

Pesquisa mostra 24 veículos suscetíveis aos ataques de amplificação

sideview-car-1559136

sideview-car-1559136Durante anos, os proprietários de carros com sistemas de entrada sem chave relataram ladrões se aproximando de seus veículos com dispositivos capazes de abri-los em poucos segundos. Por isso, um grupo de pesquisadores de segurança lançaram descobertas sobre a extensão do corte da chave sem fio. Um estudo realizado em dezenas de carros para testar um  “ataque de amplificação” foi feito com resultados apontando que 24 veículos diferentes de 19 fabricantes foram vulneráveis. “Esta vulnerabilidade facilita o trabalho dos ladrões imensamente”, diz um post em alemão sobre as descobertas dos pesquisadores no site da ADAC. “A ligação rádio entre as chaves e o carro pode facilmente ser estendido a centenas de metros, independentemente do fato da chave ser original ou não”.

Em 2011, pesquisadores suíços publicaram um artigo sobre um ataque de amplificação semelhante. Os pesquisadores ADAC disseram que testaram dessa vez uma variedade maior de veículos e, ao contrário do estudo anterior, eles acreditam que os veículos em calçadas e estacionamentos hoje permanecem abertas ao método do roubo sem fio.

Os pesquisadores ADAC alertam que não há solução fácil para o ataque, mas o ideal é que os fabricantes construam defesas em suas porta-chaves sem fio, tais como restrições de tempo que poderia pegar os ataques ao longo alcance. “É dever do fabricante para corrigir o problema”, diz Thiemel. “Sistemas de bloqueio Keyless tem que fornecer segurança iguais as teclas normais.”

Foto: FreeImages/Bram Angelgear

Veículos franceses lançam campanha para incentivar leitores a desinstalar bloqueio de anúncios

4-maneiras-de-proteger-o-seu-pc

4-maneiras-de-proteger-o-seu-pc

As principais agências de notícias francesas lançaram uma campanha contra o software de bloqueio de anúncios para desinstalar os programas antes de acessar seus sites. Com duração de 1 semana, a campanha foi organizada pela GESTE , uma associação de editores online.

Ao anunciar a iniciativa do ano passado, a GESTE disse que seus membros tem como objetivo alertar aos leitores sobre o “caráter indispensável da publicidade como fonte de financiamento”.  De acordo com um estudo, 3 em cada 10 franceses usuários de internet têm o bloqueio de anúncios. Alguns sites, incluindo Forbes e o tablóide alemão Bild , lançaram esforços anti- adblock semelhantes.

As organizações que participam na campanha tem implantado vários métodos. Alguns, como o Le Parisien e L’ Équipe , um jornal esportivo , fizeram seus sites inacessíveis para aqueles que executam o AdBlock ou programas similares. Le Monde e L’ Express, permanecem acessíveis aos usuários Adblock , embora os leitores que executam o software recebem mensagens encorajando-os a desativar o software. Alguns estão oferecendo assinaturas com desconto para aqueles que cumprir.

Em um artigo publicado no L’Express, o diretor editorial Eric Mettout comentou que a publicidade é uma “necessidade ” para aqueles que querem ler o jornal sem uma assinatura.

Conheça o Gmail Offline e otimize seu trabalho

gmail-offline

gmail-offline

Você sabia que existe um plugin capaz de gerenciar mensagens quando não estiver conectado na Internet? O Gmail Offline é uma extensão para o Google Chrome e é possível escrever e-mails que serão enviados assim que você tiver acesso a web.

Para testar, basta fazer o download da extensão para o navegador, logar na sua conta para que as mensagens sejam sincronizadas automaticamente. Dessa forma, quando você estiver offline poderá ler suas mensagens com anexos e imagens.

Além disso, o plugin permite que você escreva e-mails e anexe documentos com o limite de até 25 MB. Quando você tiver online, ele enviará esses rascunhos automaticamente ao destino indicado.

Com interface semelhante ao Gmail, o Gmail Offline não apresenta lentidão e tem ótimo desempenho! Vale testar para comprovar 😉

Robô androide tem expressões humanas perfeitas

robo-androide

Criar robôs androides é o objetivo da Hanson Robotics. A ideia da empresa é que os bonecos se pareçam perfeitamente com o ser humano, mostrando expressões faciais e até mantendo contato visual.

A pele artificial chamada Frubber é feita de silício com 62 arquiteturas faciais e no pescoço. A câmera implementada nos olhos faz com que o robô reconheça rostos e mantenha o contato visual. Com um software de reconhecimento de voz, a máquina tem capacidade de inteligente artificial. A ideia é que esses robôs possam auxiliar áreas da saúde, terapia, educação e até atendimentos ao consumidor. Veja ao vídeo e deixe a sua opinião sobre o uso de robôs no dia a dia:

 

E-mail criptografado: gigantes da tecnologia querem mais segurança no envio de mensagens

4-maneiras-de-proteger-o-seu-pc

4-maneiras-de-proteger-o-seu-pc

Você sabia que a tecnologia de transporte de e-mails não é tão segura e, em muitos casos, há facilidade na espionagem do que é enviado? Por isso, com objetivo de aprimorar a segurança, a Microsoft, Google, Comcast e LinkedIn se uniram para trabalhar na criptografia do sistema.

A ideia é impedir que algum usuário intercepte ou altere o conteúdo durante o envio do e-mail através da quebra do SSL. A proposta já foi entregue à Internet Engineering Task Force que é responsável por desenvolver as normas de Internet.

Fonte: TNW News

Já ouviu falar no PlayStation 4.5?

playstation-4.5

De acordo com informações do Kotaku, a Sony estaria trabalhando em uma nova versão do PlayStation 4. O game denominado PlayStation 4.5 teria uma placa de vídeo capaz de suportar 4K e processamento a mais para otimizar o desempenho, além de óculos de realidade virtual.

Especula-se também que o PlayStation 4.5 pode ser vendido com um valor mais elevado do que a versão do Play 4. Vale esperar para ver!

Fonte: Kotaku

Novo iPhone SE é lançado pela Apple

novo-iphone-apple

novo-iphone-apple

A Apple anunciou hoje, 21, o novo iPhone SE. Com 4 polegadas, o design é semelhante ao iPhone 6S, processador A9, câmera de 12 MP que grava vídeos em 4K e fotos em movimento graças ao Live Photos.

O que tudo indica é que a versão de 16 GB será comercializada por US$ 399 e a de 64GB por US$ 499. Nos EUA, os aparelhos estarão nas lojas na semana que vem e não há previsão para a chegada no Brasil.

*Foto: Reprodução/Apple