China construirá base naval no fundo do mar

base-marinha-fundo-do-mar-chines

base-marinha-fundo-do-mar-chines

China vai construir nova base naval no fundo do mar. O projeto está entre as prioridades do Ministério da Ciência Chinês e pretende ser finalizado em até 5 anos. Trata-se de uma embarcação móvel, a 3 metros de profundidade e capaz de proteger dezenas de funcionários. Em comunicado oficial, o Ministério disse que estão sendo estudadas tecnologias de estações espaciais para a construção da base.

Com isso, eles pretendem estudar e explorar recursos minerais profundos, já que o governo chinês acredita que a região pode abrigar aproximadamente 11 bilhões de barris de petróleo e 190 trilhões de metros cúbicos de gás natural.

Fonte: Super
Foto: Pixabay

NASA desenvolve maior propulsor de foguete do mundo

foguete-nasa

foguete-nasa

A NASA pretende se concentrar no desenvolvimento do Sistema de Lançamento Espacial (SLS) . Trata-se de veículo de lançamento do foguete, que pretendia tirar tanto carga e tripulação para o espaço. Com aproximadamente 20% a mais de impulso do que o Saturno V, pode transportar carga útil e será ainda mais forte após atualizações uma vez em serviço.

Mas antes que isso aconteça, a empresa precisa aperfeiçoar o design. Ontem, um desses testes aconteceu no foguete SLS disparado contra instalações de teste da Orbital ATK em Promontory, Utah. O objetivo do teste foi avaliar as 82 qualificações necessárias para o SLS a ser certificada pronta como um impulsionador para o voo. O lançamento de foguetes durou 2 minutos e foi possível observar que a temperatura no interior alcançou 6.000 graus centígrados. Para todos os efeitos, foi um sucesso completo, no entanto , os engenheiros precisam rever e analisar todos os dados de teste gravados.

Um vídeo do teste foi divulgado e mostra que o SLS é capaz de levantar 70 toneladas de peso, podendo elevar para 130. Quanto as missões, quatro já estão planejadas. A primeira está programada para acontecer em novembro de 2018 e será em uma cápsula não tripulada.

Fonte: Geek.com
Foto: Reprodução

Equipe estuda salamandra para criar robôs com movimentos realistas

robo-movimentos-realistas

robo-movimentos-realistas
A equipe da Ecole Polytecnique Federale de Lausanne, na Suíça, utilizou imagens de vídeo em raios-X de uma salamandra para examinar os ossos em 3D. Ao estudar esses movimentos eles foram capazes de reproduzir a sua locomoção com precisão em robôs.

O engenheiro Kostas Karakasilliotis disse que ” a locomoção animal é um processo inerentemente e complexo”, mas observa que os computadores e os avanços da impressão 3D estão tornando mais fácil para dar criações robóticas e movimentos ainda mais realistas.

A equipe de construção acredita que criações como essa nos ajudarão a obter uma melhor compreensão de como é o funcionamento da espinal medular e quais seriam os impactos.
Fonte: Geek.com
Foto: Reprodução

 

Twitter lançará adesivos que podem substituir o uso das hashtags

atualizacao-twitter

atualizacao-twitterO Twitter anunciou que disponibilizará pacotes de adesivos para que os usuários personalizem suas publicações. As imagens poderão ser coladas em fotos e utilizadas para a marcação de eventos e assuntos específicos, da mesma maneira que a hashtag é usada. As etiquetas estarão disponíveis para usuários de iOS e Android em breve. O que você acha dessa atualização?

Fonte: Forbes
Foto: Pixabay

 

Avião supersônico não emite gases poluentes

aviao-supersonico

aviao-supersonico

O novo projeto de um avião supersônico foi desenhado pelo designer Oscar Viñals e será lançado de Londres a Nova York com previsão de chegada em 2h30. Chamado de Flash Falcon, é capaz de atingir a velocidade de 3700 km/h, pousará como um helicóptero e transportará 250 pessoas.

Por ser movido a um reator de fusão nuclear portátil, o avião não emite gases poluentes. “Esse é o início de uma geração de aviões ecológicos e superpotentes”, comentou o autor do projeto, Oscar Viñals.

Fonte: Forbes
Foto: Reprodução

Sol pode ter entrado na sua meia-idade. Entenda

sol-meia-idade

sol-meia-idade

Nova pesquisa, assinada pelos cientistas do The Astrophysical Journal Letters, apontou que o Sol entrou na chamada evolução magnética, o que significa que estaria entrando na meia-idade. Os ciclos de manchas solares tendem a desaparecer ao longo do tempo. De acordo com os pesquisadores, o brilho do sol muda aproximadamente 1% entre a atividade solar.

Os especialistas acreditam que há a possibilidade do sol ter poucas manchas futuramente. Essa constatação se deve graças ao telescópio espacial Kepler, da NASA, que pode observar essa evolução.

Fonte: Forbes
Foto: Pixabay

Facebook apresenta recurso Slideshow, nova maneira de compartilhar fotos e vídeos

T-46

O Facebook está lançando um novo recurso chamado Slideshow, uma maneira fácil de fazer e compartilhar fotos e vídeos. Com esse novo recurso, é possível sincronizar com foto e vídeo as bibliotecas do seu telefone ou vídeos nas últimas 24 horas.

Será possível personalizar e alterar a ordem ou layout, além de taguear seus amigos. Atualmente existem 10 temas para escolher, incluindo a épica, brincalhona, nostálgica e de aniversário , cada um com seu próprio estilo e música. Você também poderá selecionar as suas próprias fotografias e vídeos para criar uma apresentação de slides.

Fonte: Mashable

Réplica do foguete da Space X faz pouso na piscina

space-x

space-x

Um drone reproduziu um pouso do foguete da Space X em forma de miniatura. Dois novos vídeos mostram o pequeno foguete que entra para uma aterragem em uma maquete do navio de drones flutuando em uma piscina. “O Droneship foi feito à partir de 1″ espuma de isolamento, e foi construído com a escala correta para o foguete de altura de 1m. Ele é uma pequena almofada de aterragem, e simula o pouso”, disse em comunicado.

Na vida real, a empresa Space X pousou três foguetes em um navio no Oceano Atlântico. Confira o vídeo aqui: https://www.youtube.com/watch?v=19mnsxcgjR0

Fonte: Mashable
Foto: Reprodução

Novo satélite mostra fotos incríveis da Terra

satelite

satelite

Google extraiu novas fotos à partir de um satélite lançado em 2013 com imagens livres de nuvens e visivelmente nítidas. “Esta nova versão de Earth usa os dados disponíveis mais recentes”, escreveu Chris Herwig, gerente de programa para o Google Earth Engine em um post de blog .

Grande parte da terra é geralmente coberta por nuvens , mas o Google Maps vasculhou fotos que reuniram mais de 700 trilhões de pixels. O resultado é uma visão com detalhes. “Nosso mosaico anterior usou imagens à partir do satélite Landsat 7, que na época era o melhor”, disse Herwig.

Os cientistas colherão vários dados, obtendo uma sensação de desmatamento e desenvolvimento urbano em diferentes partes do mundo. Muitos desses dados estão disponíveis gratuitamente à partir do programa Landsat 8, que é o mais novo satélite da frota.

Fonte: Mashable
Foto: Reprodução/Google LandSat

Pequeno asteroide acompanha a Terra. Saiba mais

asteroirde

asteroirde

Um asteroide menor do que a Estátua da Liberdade está constantemente acompanhando a Terra. “Quando ele se desloca em torno da terra um pouco à frente ou atrás, a gravidade da Terra é forte o suficiente para reverter”, disse Paul Chodas, gerente do Centro da NASA para estudos Near-Earth Object (NEO). “O mesmo efeito também impede que o asteroide se aproxime muito mais do que cerca de 38 vezes a distância da Lua”, complementou.

Chamado 2016 HO3, foi descoberto em abril de 2016 por um telescópio no Hawaii e por estar longe da Terra, os cientistas consideram que é um satélite natural, como a Lua, de acordo com a NASA. Foi descoberto também que ele está acompanhando a Terra por aproximadamente 100 anos, e vai continuar ao nosso redor por muitos séculos. A Terra tem pequenas rochas espaciais em sua órbita que circundam o planeta por algum tempo. Estas “mini-luas” normalmente orbitam nosso planeta há cerca de um ano ou menos, e geralmente há pelo menos um asteroide capturado circulando a Terra em um determinado momento”, anunciou a NASA em comunicado.

Fonte: Mashable
Foto: Pixabay