Snapchat libera novos filtros para usuários australianos

https-%2F%2Fblueprint-api-production.s3.amazonaws.com%2Fuploads%2Fcard%2Fimage%2F160624%2Fsub-buzz-21217-1469668486-2

O Snapchat liberou 50 novhttps-%2F%2Fblueprint-api-production.s3.amazonaws.com%2Fuploads%2Fcard%2Fimage%2F160624%2Fsub-buzz-21217-1469668486-2os filtros para os usuários australianos. Cobrindo a maior área de Sydney, os novos filtros são interessantes e revelam locais inusitados do País. Antes da atualização, a rede social oferecia poucas variedades, deixando os usuários insatisfeitos.

Fonte: Mashable
Foto: Supplied/Snapchat

 

Snapchat quer criar filtros personalizados para venda de anúncios

nova-atualizacao-snapchat

aumento-de-visualizaca-snapchat

Snapchat entrou com um pedido de patente para um sistema de publicidade usando reconhecimento de objetos para servir filtros a usuários patrocinados. A tecnologia iria identificar itens em fotos dos usuários e, em seguida, oferecer-lhes sobreposições de imagem de marcas relacionadas a esses objetos. É o equivalente visual de compra de espaço publicitário com base em palavras-chave em pesquisas do Google – mas em vez de olhar para os dados textuais em pesquisas, eles estão olhando para os próprios objetos.

O pedido de patente foi arquivada em janeiro do ano passado, publicado pelo escritório de patentes dos Estados Unidos no início deste mês, e viu pela primeira vez pelo Business Insider. Embora inclua detalhes sobre o sistema de publicidade descritas acima, o seu principal objetivo é delinear um sistema mais geral de “filtros de fotografia com base de reconhecimento de objeto” e ofereceriam aos usuários sobreposições de imagens personalizadas com base em localização. Os usuários podem enviar projetos próprios gratuitamente, enquanto os anunciantes têm de pagar se quiserem criar um filtro para promover uma marca ou produto.

Para os anunciantes, o reconhecimento de objetos pode ser usado para servir filtros patrocinados e anúncios, como por exemplo, uma imagem que inclui um objeto “reconhecido como um restaurante”, iria servir de um filtro de menu. O que você acha da iniciativa? Apoia?

Fonte: The Verge
Foto: Pixabay