Twitter decide acabar com o Vine

twitter-vine-01

vine_logoEm uma decisão que deixou milhões de pessoas para lá de surpresas, o Twitter anunciou nesta quinta que vai acabar com o app Vine.

A empresa havia comprado o serviço de produção de vídeos curtos, de até 6 segundos, em 2012 – o valor pago é oficialmente desconhecido, mas boatos dão conta de que foi por US$ 30 milhões.

O motivo pelo qual o Twitter resolveu acabar com o Vine não foi divulgado, mas todos os indícios apontam para um simples corte de custos, já que o Vine não gera receita para a empresa, que, por sua vez, ao longo dos 10 anos de existência acumula prejuízos que ultrapassam US$ 2 bilhões!

Segundo o Twitter, o Vine vai ser descontinuado ao longo dos próximos meses. Todo o conteúdo gerado até hoje vai continuar disponível para os usuários no site e nos apps já baixados.

Descanse em paz, Vine (2012-2016).